Por que você deve fazer pós-graduação

Dia a dia, muitos profissionais perdem oportunidades ou são reconduzidos em novos setores nas empresas, perdendo lugar para trabalhadores, em tese, mais qualificados, recém saídos de cursos de especialização, MBA, mestrado profissional ou mestrado acadêmico e doutorado, ou chegados de temporadas de estudos no exterior.  Ademais, o mercado de trabalho está cada vez menos propício a profissionais com mais de 35 anos de idade.

Em vista disso, fazer uma pós-graduação é absolutamente considerável se os profissionais pretendem seguir na disputa por bons postos de trabalho e salários acima da média, afinal, ter ensino superior nos dias de hoje não é mais um diferencial como era antigamente.

Então, para definir qual o tipo de curso você deve seguir, alguns fatores importantes devem ser levados em conta, como a finalidade, o tipo de profissão e qual a área de atuação você quer seguir no futuro.  

No Brasil, os cursos de pós-graduação são oferecidos por instituição de ensino superior e, assim como os cursos de graduação, também devem ser reconhecidos pelo Ministério da Educação (MEC). Em vista disso, é muito importante pesquisar e verificar no site da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) o conceito que o curso pretendido tem.

Para que os futuros alunos tenham acesso aos cursos, as instituições de ensino lançam editais de uma a duas vezes ao ano, portanto, é preciso estar atento aos prazos. A seleção é variada e cada universidade segue as suas próprias diretrizes que, geralmente, são criadas pelas coordenações de cada curso.  

E se você já sabe o que irá fazer, ordinariamente, as universidades lançam seus editais no último trimestre do ano. Por isso, a UNESC já está com alguns processos seletivos abertos para 2020/1. Leia com atenção os editais e fique atento aos prazos. 

 

Tipos de pós-graduação: veja qual fazer

Segundo a Associação Nacional de Pós-Graduandos (ANPG), os cursos de pós-graduação podem ser Lato Sensu e Stricto Sensu.

Pós-graduação Lato Sensu

São cursos voltados aos profissionais práticos que já estão no mercado de trabalho, com carga horária mais flexível de 360h/a. Como regra, metade dos professores devem ser mestres e doutores e a outra metade deve ter pelo menos uma pós graduação ou lato sensu. Ao final, o aluno recebe um certificado de conclusão.

MBA

Público-alvo: profissionais, executivos bem colocados no mercado de trabalho que queiram chegar a cargos mais altos, estratégicos de liderança, juntando know-how e rede de contatos.

ESPECIALIZAÇÃO

Público-alvo: profissionais que desejam se aprimorar dentro de uma área específica no seu campo de atuação. 

Pós-graduação Stricto Sensu

São cursos voltados aos profissionais teóricos, acadêmicos e professores que queiram aprofundar teorias e ideias, metodologicamente, para se tornar pesquisador. Geralmente, o objetivo aqui é ingressar na carreira acadêmica e desenvolver conhecimentos e produções científicas em um futuro próximo. A duração é de 2 a 4 anos e o aluno que concluir o curso ganha o diploma e o título de mestre, para Mestrado, ou doutor, para Doutorado.

MESTRADO PROFISSIONAL

O curso profissional vai além do aspecto acadêmico, incluindo estudos, técnicas e conceitos que podem ser inseridas no mercado de trabalho. Portanto, ao concluir o curso, o aluno fica apto ao mercado de trabalho e ao ensino acadêmico.

MESTRADO ACADÊMICO

O curso prepara para a vida acadêmica. Ao concluir, o profissional fica apto a dar aulas em escolas e universidades, a fazer pesquisa e a dar seguimento a um curso de doutorado. Para concluir, é necessário que o aluno desenvolva uma dissertação.

DOUTORADO

O curso é voltado para alunos pesquisadores que concluíram o mestrado e têm conhecimento e metodologia aprofundada. Para concluir, é necessário que o aluno desenvolva uma tese.  

O aluno também poderá fazer Doutorado Direto, entretanto, isso não acontece com frequência. 
Faça o seu curso na UNESC!